Domingo, 10 de Janeiro de 2010

Quo vadis?

Vou por esses campos adentro

Por entre maias e rosmaninhos

Em cima da minha “bike” nova

À barreira da "Ponte-da-Guarda",

 

desmonto e sigo a pé.

Levanta-se um coelho numa cova

da horta do Zé da Cruz

e atravessa, de um pulo, o caminho.

Ao fim da subida

monto a "bike" novamente

deixando a sombra no alcatrão quente.

A meio da pequena descida,

uma pedra ao alto levantada:

Ali mergulhou o Agostinho

na sua velha motorizada.

"Ó vós que aqui passais

-convida a inscrição-

tende piedade da sua alma

e rezai um padre nosso e uma avé Maria".

Persignando-me, sigo adiante,

passando a ribeira,

que ainda corre,

e com enrome esforço de pernas,

 dando à roda pedaleira,

as crejeiras do Ti Pascoal,

o depósito da àgua

 e ao cemitério,

 pergunto ao homem do tractor:

-Amigo, para a "Ponte Sequeiros", qual é o desvio?

-À saída, na curva, vire à esquerda e siga o rio.

A sede aperta,

encosto a "bike"

e entro no café.

Ao segundo copo

Já querem saber de onde sou.

Respondo: 

- De longe... de muito longe...

E como ali vim dar.

Divago: 

-No vento... vim no vento! 

Seguindo caminho,

 agora sempre a descer,

lameiros e freixos de um lado e de outro,

-Lá está a curva e o desvio-

começa a chover,

abre-se o arco-íris

sobre os montes em redor.

O caminho trona-se ruim,

Sigo a pé então,

e mais adiante, enfim,

surge a ponte com o seu torreão. 

Um rebanho desce a enconsta sobranceira

e pergunta-me o pastor: 

-De onde é voçê, amigo? 

E eu respondo: 

-De longe... de muito longe... 

-E vai para onde?

-Para onde me levar o vento...

Vou no vento...

E ele -estou ainda a vê-lo- de cajado, encostado ao muro: 

-Não vai não, amigo...

que traz um furo

no pneu

João Valente Martins

 

publicado por julmar às 17:49
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De India a 12 de Janeiro de 2010 às 12:03
Lindo, poético e pormenorizado quanto aos agentes físicos da paisagem (para quem conheça estes lugares), o bucolismo sempre presente, bem explicito no tipicismo envolvente da nossa região, onde até nem falta a parte humorística com que termina.
Gostei, parabéns.


De O ILustrado a 12 de Janeiro de 2010 às 18:59
De acordo com o comentário de Índia.
Um certo sabor a Cesário Verde. E vê-se que a forma podia melhorar um pouco e que o autor o saberia fazer. Eu sei ... o tempo é limitado.


Comentar post

.Memórias de Vilar Maior, minha terra minha gente

.pesquisar

 

.Julho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
14
15

16
17
19
20
21
22

23
24
25
26
27
29

30
31


.posts recentes

. Contradições - O Riba-Côa...

. Ano 2051 - Senhora do Cas...

. Porque andas tu mal comig...

. Sinalização

. Um sítio para pousar a ca...

. Orca, a terra do senhor F...

. Ó sino da minha aldeia

. Que se passa?

. Demografia - Nonagenários...

. Vida de cão!

.arquivos

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.links

.participar

. participe, leia, divulgue, opine

.

blogs SAPO

.subscrever feeds