Quinta-feira, 7 de Novembro de 2013

PESCARIAS - Dr Leal Freire

O limite  de Vilar  Maior  beneficia  de  dois cursos  de  água, ambos  feudatários ou, mais  propriamente  subfeudatários  do  Coa, ou  da  Coa, como  alguns  lhe  chamam, menorizando-o, isto  é, baixando-o  à  classe   de  simples  ribeira. Mas ribeiras são, isso  sim, o  Cesarão, que, depois  de bordejar  Aldeia  da Ponte  e Aldeia  da   Ribeira, passa  também  por  Vilar  Maior, e  o  Pereiro, vindo  da  segunda   linha de  fronteira.

O  nome do  primeiro evoca  um romano, provavelmente um  centurião  e  ao  substantivo  principal  adita  um  qualificativo  de  diminuição—CESAREU.

O do segundo radica, ao  que  se  supõe, em  qualquer  tufo de pomíferas selvagens. Um e  outro  são  ricos   em   peixes. Alias o  Cesarão é  conhecido pelos populares  por  Cesarão  Peixeiro. O poeta  reconhece-lhe  o sestro:

Robalo, enguias, trutas,

Peixes que a barbas enxutas

Não pesca o próprio Nereu

Fizeram ninho nas grutas

Tersas de rochas hirsutas

Di Cesarão Cesareu

 

E também :

Ao Pereiro

Rio pesqueiro

Nos açudes 

Aos almudes...

Os  pescadores  civilizados  e  conscientes   pescam  ao anzol, ao  tosão  e às  redes. Aproveitam  também  a  abertura  dos  saudes  e o empoçamento  das  águas  para as grandes apanhas. Os  que  não  têm  espírito   desportivo  usam uma  substância    que  adormece  os  peixes - o  bude  ou  embude, planta  opiácea   que cresce  nas  margens  de  algumas  correntes  de  água.

Havia ainda   a pesca  criminosa, feita  com  explosivas, que  dilacera  as espécies ou com recurso  a  envenenamento das  águas. Felizmente, essas  duas  formas  de pescar, só  usadas  por  marginais, foram  eliminadas  com  a  consciençalização  das  populações. Agora, a  pesca  é  limpa. O  peixe  é  consumido  essencialmente  de três  formas - simplesmente  frito, frito e escabechado, ou, quando  é  maior  em  caldo  ou migas.

E  que   saborosos   pitéus   assim  se  conseguem!

publicado por julmar às 11:23
link do post | comentar | favorito
|

.Memórias de Vilar Maior, minha terra minha gente

.pesquisar

 

.Julho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
14
15

16
17
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Ano 2051 - Senhora do Cas...

. Porque andas tu mal comig...

. Sinalização

. Um sítio para pousar a ca...

. Orca, a terra do senhor F...

. Ó sino da minha aldeia

. Que se passa?

. Demografia - Nonagenários...

. Vida de cão!

. Requiescat in pace, Adria...

.arquivos

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.links

.participar

. participe, leia, divulgue, opine

.

blogs SAPO

.subscrever feeds