Sábado, 17 de Janeiro de 2009

Abandonos

Deixo à memória dos comentaristas a identificação destes lugares e do que as imagens lhe sugerem. Neste caso três ou quatro degraus apenas era o suficiente para subir  ao balcão que dá acesso à casa. Escadas subidas vezes sem conta. Agora as silvas vão, aos poucos, assenhoreando-se do espaço.

publicado por julmar às 15:53
link do post | comentar | favorito
|
10 comentários:
De Anónimo a 17 de Janeiro de 2009 às 18:09
Para já não faço a menor ideia onde se encontra este imóvel e muito menos se será em Vilar Maior.
O que me chama a atenção é a existência de cortinas no interior das janelas.
Não fosse a existência de silvas nas escadas e diria que a casa era habitada. Serão rendas de verdade ou serão uma imitação em plástico??.
Aguardemos por outras opiniões!!.


De Anónimo a 17 de Janeiro de 2009 às 18:14
Se não é na Vila, de certo será nas terras vizinhas: vejam-se os sinais da rua que foi mexida, resultante muito provavelmente das obras de saneamento que um pouco por toda a parte, beneficiou algumas aldeias do nosso concelho.


De Vilar Maior a 17 de Janeiro de 2009 às 18:14
No meu entender a casa é em Vilar Maior e o seu proprietário subiu muitas vezes a torre da igreja para concertar o relógio que lá se encontra. Espero não estar enganado


De Ribacôa a 17 de Janeiro de 2009 às 18:39
Para além do seu estado desmazelado, mais dois ou três pormenores a realçar:
Ou o dinheiro era pouco, ou o ferreiro enganou-se nas medidas, ou ainda, o lugar originário não era aquele. É que, o portão ficou curto;
Silvas que invadem a escada e cortinados de renda na janela? Ná... Quanto a mim está desabitada há vários anos;
Penso que a janela não foi feita aquando da construção da casa. Ao contrário, terá sido ali enxertada mais tarde, bastando comparar os seus materias (cimento e ferro - horrível -) com os da porta (granito e madeira), como se impunha numa casa antiga como esta. E se ela é antiga!!!.
Embora dotada de apenas quatro de graus para aceder ao balcão, a ser a casa que eu tenho quase a certeza que é, não é térrea. Tem uma ou duas lojas, bons logradouros e um enorme quintal. Para casa antiga é das mais espaçosas da vila. E por aqui me fico, não vão por lá pensar que sou dono de alguma imobiliária e pretendo vendê-la.


De Vilar Maior a 17 de Janeiro de 2009 às 22:41
Pelos vistos acertei.
Foi fácil, pois foram lá roubados da varanda da frente alguns vasos para enfeitar as ruas da Vila na altura da Festa do Sr . dos Aflitos. A Dona da casa tanto queria guardar os vasos que se deixava dormir e quando acordava já não os tinha. Era uma arrelia. Mas foram bons tempos que já não voltam.


De Anónimo a 20 de Janeiro de 2009 às 13:42
Tens razão Vilar Maior, num desses assaltos aos vasos ate a chave da porta foi roubada enquanto a missa ...belos tempos esses !


De J.B. a 20 de Janeiro de 2009 às 19:36
E eu que pensava ser mestre nesta arte de roubar flores em favor da festa do Senhor dos Aflitos, não me recordo de ter participado nesta. Deve ser de tempos mais recentes.


De Anónimo a 20 de Janeiro de 2009 às 20:15
Pois é dos tempos mais recentes e talvez dos últimos anos que se praticou esse desporto .Sim isso era um desporto bem activo...isto foi nos anos 1984 ou 1985 ou ate talvez depois não me recordo ao certo. O certo era ,que a Sª Lucinda passava as tardes a guardar as flores bem cedo para não serem roubadas ,mas nunca imaginou que num domingo durante a missa lhe roubassem as flores e ainda por cima tinha guardado a chave da porta num deles ...claro que deu uma grande bronca ...mas foi divertido . Ninguém podia com a juventude de Vilar Maior nesse sentido e nessa altura...um abraço a todos .Obrigado por me fazerem companhia e divertirem as tardes ...


De Anónimo a 20 de Janeiro de 2009 às 21:25
Em 1984/85? Sem querer ser bisbilhoteiro, cheira-me que este comentário vem dos USA. Será?


De Anónimo a 21 de Janeiro de 2009 às 02:45
EUA ? algum tempo atrás ate gostaria ,mas não ,desta vez não adivinhas-te...mais perto!


Comentar post

.Memórias de Vilar Maior, minha terra minha gente

.pesquisar

 

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Requiescat in pace, Maria...

. Armário Judaico no Baraça...

. Citânia de Oppidanea

. Gente da minha terra

. Viagens ao pé da porta - ...

. Eleições à porta

. Requiescat in pace, Álvar...

. Contradições - O Riba-Côa...

. Ano 2051 - Senhora do Cas...

. Porque andas tu mal comig...

.arquivos

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.links

.participar

. participe, leia, divulgue, opine

.

blogs SAPO

.subscrever feeds