Sexta-feira, 3 de Março de 2017

Sinagoga ou armário judaico no Baraçal?

jud.jpg

judi.jpg

armario judeu.jpg

 Nas minhas deambulações pelas terras do Sabugal, calhou de ir pela Rua dos Quintais, e de reparar numa casa que se distinguia das outras pela cantaria, talhada na perfeição, da sua fachada, com uma escada com varanda que dava acesso ao primeiro andar.  Como muitas outras casas, não tinha telhado, não tinha porta nem janelas. O sabugueiro ( não sei porquê que este arbusto tem especial predileção por casas em ruína) crescia livremente do rés do chão para o andar de cujo sobrado restava apenas uma cumieira. Mas o que, pelo exterior, a distinguia era uma peça de cantaria onde estava gravado um símbolo judaico. Subi a escada e da varanda entrei na soleira da porta, não sendo possível entrar pois não havia sobrado. Entrei pela porta do rés do chão e fiquei pasmado com a perfeição do armário, virado a nascente, invadido pelos arbustos. Tratar-se-á, porventura, de uma casa de culto judaico. Tendo lido bastante sobre o concelho do Sabugal, nunca vi qualquer referência sobre a sua existência. Marcos Osório, no artigo "Armários de pedra na arquitetura tradicional do Alto Côa. Testemunhos de culto judaico?", em que compara três desses exemplares, dois no Sabugal e um em Vilar Maior e faz referências a outros fora do concelho do Sabugal, nenhuma referência faz a este do Baraçal, certamente, por desconhecimento do mesmo. Porém, quer o edifício, quer o armário têm uma perfeição muito superior ao de Vilar Maior.

Eu que não sou historiador, nem arqueólogo, nem etnógrafo, nem presidente de junta, nem vereador da cultura, impressiona-me como é que um testemunho tão forte da cultura judaica esteja tão esquecido, abandonado, desprezado. 

Espero que as minhas andanças por terras do concelho do Sabugal, passo a passo possam trazer alguns frutos. E lá terei que voltar para que com demora possa detalhar esta preciosidade.

publicado por julmar às 18:14
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Ana Beatriz Lages a 4 de Março de 2017 às 09:38
Caro Senhor Júlio Marques,
Ao contrário do que afirma devo referir-lhe que esta habitação é do conhecimento das autoridades locais e concelhias (arqueólogos do Município inclusive). No entanto, trata-se de propriedade privada que até há pouco tempo pertencia a vários herdeiros que inviabilizavam qualquer negócio. Quanto ao facto de ser um documento judaico, e sem eu ter qualquer formação em história ou arqueologia, penso que se trata apenas de mais um armário de pedra como tantos outros existentes no Baraçal. Ana Beatriz Lages


Comentar post

.Memórias de Vilar Maior, minha terra minha gente

.pesquisar

 

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Requiescat in pace, Maria...

. Armário Judaico no Baraça...

. Citânia de Oppidanea

. Gente da minha terra

. Viagens ao pé da porta - ...

. Eleições à porta

. Requiescat in pace, Álvar...

. Contradições - O Riba-Côa...

. Ano 2051 - Senhora do Cas...

. Porque andas tu mal comig...

.arquivos

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.links

.participar

. participe, leia, divulgue, opine

.

blogs SAPO

.subscrever feeds