Terça-feira, 8 de Setembro de 2009

2ª feira de festa - Outra música me (en)canta

Toque da alvorada na Eira do Arreçaio

Bem me custou mas 2ª feira é dia de trabalho e não há remédio senão pôr-se a caminho. Mas deu para ver passar a banda de Loriga pelo Buraco abaixo. E é outa música.

publicado por julmar às 22:11
link | comentar | favorito
17 comentários:
De Tiz Silva a 8 de Setembro de 2009 às 23:33
Obrigada Júlio .
Deu para matar saudades :)


De Ribacôa a 9 de Setembro de 2009 às 11:34
Pena é, não haver uma imagem mais nítida do Senhor dos Aflitos. Sendo a festa é em seu louvor...


De O Bairrista a 9 de Setembro de 2009 às 18:43
Mas que grande festa! Fogo do rijo, fogo de artifício um espectáculo! Duas Bandas de Música! Quatro conjuntos! Uma garraiada! Ainda haverá quem diga mal da festa?


De V.M. a 9 de Setembro de 2009 às 20:46
É das maiores da raia. Basta observar as pessoas que rumam em romaria a Vilar Maior, para prestar a sua fé ao DIVINO SENHOR DOS AFLITOS, de Vilar Maior. Somos poucos mas ainda fazemos frente aos ditos "Grandes". Parabéns a todos os Vilar Maiorenses que contribuíram mais uma vez para este grande acontecimento que só enaltece e enobrece todos os naturais de Vilar Maior, bem como o Divino Senhor. Claro que seria injusto não referenciar os que mais contribuíram, designadamente a Catarina e a Barbara e todo o seu STAF. PARABÉNS


De O Emigrante a 9 de Setembro de 2009 às 21:58
A vila é das poucas terras que não mudou a festa. A mim pouco me importa que a festa seja grande ou pequena se eu não posso lá estar. Eu e os emigrantes merecemos tanto a festa como os outros. mas na vila parece que há quem goste mais de ver lá os das outras terras do que os da vila. Mas pelo que vejo nas fotografias cada ano há menos gente. Há-de acabar por morrer e para os emigrantes já morreu há muitos anos. E sinto-me triste por isso


De Bárbara Neves Cardoso a 9 de Setembro de 2009 às 22:41
os meus sentidos agradecimentos a todos os que nos ajudaram na realização da festa.
O meu bem haja a todos do fundo do coração.
em resposta a este comentario de "Emigrante": os emigrantes tem de compriender que a festa tem uma enorme tradição , pois as pessoas já todas sabem que a festa se realiza no primeiro fim de semana de Setembro, e se a mudar mos ai sim a festa acaba de vez.
E os emigrantes tiveram a sua oportunidade para se fazerem ouvir, no ano passado na votação que foi realizada sobre a mudança da festa, e nessa altura não se manisfestaram ou nao se fizeram ouvir.
Agora espero, muito sinceramente, que se deixem de essas lenga-lengas e nos ajudemos todos para continuarmos a levar a festa do Divino Senhor dos Aflitos ainda mais alta, pois bem o merece.



De O EVIDENTE a 9 de Setembro de 2009 às 22:59
Nada é eterno. Todos os dias, todas as horas, minutos e segundos morre alguém ou alguma coisa. O mundo não acaba por isso. Então, vivamos a vida, se possível vivendo a festa, sendo certo que, mais das vezes, os impossíveis são pura ficção.


De Choramingas a 9 de Setembro de 2009 às 23:08
Muitas terras mudaram a festa (Aldeia da Ribeira, Escabralhado e outras). Quando são, como são e onde estão as suas festas?


De V.M. a 9 de Setembro de 2009 às 22:19
Quando comentei que a festa de Vila foi um sucesso, este sucesso é imputado a todos os Vilarmaiorenses, estejam eles fora de Portugal ou em Portugal e que não podem estar presentes neste acontecimento único, que se vem realizando há séculos a esta parte. Infelizmente não são só os que estão fora de Portugal que não podem estar presentes, mas os que lá estão representam e sentem a tristeza por outros não poderem partilhar esse momento. Temos que ter em conta que a festa já tem uma longa tradição e o seu contexto religioso é de ser realizada em Setembro, pois os seus devotos não são só da Vila, por isso não podemos alterar uma festa que é de todos os que lhe querem prestar a sua fé. Nós Vilarmaiorenses cabe-nos a hombridade de mantermos a continuidade desta festa.


De titilique a 10 de Setembro de 2009 às 11:08
PURA FICÇÃO ??Desde que minhas filhas andam na escola, nunca mais lá passei a festa. Espero que daqui a uns anos seja possível porque elas gostam muito da Vila. Dei a festa três vezes com muita alegria e orgulho e elas se Deus quiser também serão mordomas.
Agora pessoas que nunca estavam para a festa quando eram imigrantes (poucos anos), ainda não tinham filhos e que agora nos criticam ..... NÃO E FICÇÃO E REALIDADE .


De "O Vila" a 10 de Setembro de 2009 às 16:40
Não foi de má qualidade a primeira banda ida de Carregosela; dada a ideia que em parte é constituída por elentos da sua escola de música (viu-se pela sua actuação no concerto na praça. música clássica que eles interpretaram com mestria).
Mas......ouvir a banda de Loriga, para quem é bom de ouvido para estas coisas da música, vai bastante diferença.
Parabéns a ambas e para quem tratou de todas as coisas inerentes à festa. Nada faltou incluindo a sua óptima organização.


De Anónimo a 15 de Setembro de 2009 às 23:57
"habitante"
Sim foi muito bom ouvir as duas bandas. podendo observar que a Filarmónica de Carragosela têm muitos elementos da sua própria escola de música, mas não é por isso que deixam de ter qualidade, pois é de se louvar ter tantos jovens e tocarem tão bem e serem ensinados na própria escola.
Estão de Parabéns, porque pelo primeiro ano que cá vieram à nossa Terra fizeram um excelente trabalho. E para não esquecer a rapariga que cantou o Hino tinha uma voz de sonho, a ela os meus PARABÉNS e que continue a cantar pois tem futuro, mais uma vez PARABÉNS.
PARABÉNS FILARMÓNICA 1º DE JANEIRO DE CARRAGOSELA.
Uma coisa que não gostei na filarmónica de Loriga, foi terem cantado o Hino do Sr. dos Aflitos no final da missa. pois não é hábito cantarem o hino na segunda feira e eles sabiam bem disso. Mas também fizeram um bom trabalho tirando esta atitude que não foi muito digna.

Os meus parabéns ás mordomas pelos excelente trabalho.


De Comissão de Festas 2009 a 17 de Setembro de 2009 às 18:41
Muito obrigado a todos !

mas a festa não se teria concretizado se todos não tivessem ajudado, por isso aqui deixamos o nosso Bem Haja a todos quantos nos ajudaram e apoiaram.

A comissão, Bárbara Neves Cardoso.


De Fiscal de Linha a 17 de Setembro de 2009 às 20:28
Cada um tem a sua opinião, mas para mim, Festa que é Festa é com a Banda de Loriga!
Em relação ao hino, embora a Banda de Carragosela se tenha esforçado e o tenha feito com brio, para mim o hino cantado pela Banda de Loriga é “outra loiça”, toca o coração. Além disso penso que o hino foi elaborado em Loriga.


De Ribacôa a 17 de Setembro de 2009 às 22:50
Ora aqui está uma boa deixa. Ainda há poucos dias juntamente com um amigo, nos questionávamos sobre quem seria o autor ou autores da letra e música do Hino do Senhor dos Aflitos. Colocámos a hipótese de ter sido um dos mestres da banda de Loriga dos primeiros anos em que veio à Vila, mas também pensamos no Sr. Professor Pinheiro. Alguém saberá ao certo?


De Vila a 23 de Setembro de 2009 às 14:25
Continuando a falar sobre a música do Hino ao Senhor dos Aflitos, chamo a atenção (para quem tenha andado mais distraído ) que ao longo dos ano a própria banda de Loriga introduziu pequenas nuances no que diz respeito aos compassos da música propriamente dita: veja-se que nos últimos anos eles lhe deram um andamento valseado , atributo que não existia antes. A nova banda deste ano, quase de certeza, pediu cópias das pautas musicais pertencentes aos de Loriga (claro que uma coisa não sai assim tão sobreponível!!!:::).


De Anónimo a 18 de Setembro de 2009 às 00:33
pois e verdade que o hino foi elaborado pela filarmónica de loriga e é normal que eles o cantem melhor que as outras filarmónicas, pois já o sabem à muitos anos e já conhecem a festa de trás para a frente à anos. Por isso é que nos habitantes estranhamos quando vêm outras bandas.
MAS É DE LOUVAR A FILARMÓNICA DE CARRAGOSELA TER VINDO PELA PRIMEIRA VEZ E TER FEITO UM BOM ESPECTÁCULO E TER CANTADO TAO BEM O HINO.

PARABÉNS ás duas filarmónicas


Comentar post

.Memórias de Vilar Maior, minha terra minha gente

.pesquisar

 

.Abril 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Feliz Páscoa - Mandar rez...

. Igreja da Senhora do Cast...

. Gente da minha terra

. Manto Branco

. Projeto "Tornar Vilar Mai...

. Quando a festa virou trag...

. A Vila e suas gentes

. Requiescat in pace, Elvir...

. Requiescat in pace, Maria...

. Tornar a Vila numa aldeia...

.arquivos

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.links

.participar

. participe, leia, divulgue, opine

blogs SAPO

.subscrever feeds