Sábado, 17 de Outubro de 2009

O Progresso de ontem

Vista na fotografia até parece bem. Mas a falta de uso e o abandono não perdoam. Eu e centenas e centenas de miúdos aprendemos aqui as primeiras letras e muito do que constitui a base do que hoje somos e sabemos. Por todo o recinto, crescem arbustos e, desordenadamente, acácias.

Que fazer?

publicado por julmar às 18:04
link | comentar | favorito
65 comentários:
De Anónimo a 19 de Outubro de 2009 às 16:25
Eu não... Tirem-me do saco, que para mim já chega.


De Rique a 19 de Outubro de 2009 às 21:21
Mais uma vez , para quem nao sabe ler tenham o valor de se identificar, pois assim temos a certeza de nao os incluir na Lista , e ja agora da minha parte os seus comentarios e o seu entender sao Dispensados, e esteja descansado que para si vai Chegar , como vai chegar a todos nos o dia em que vai precisar desse lar,e o vao mandar desterrado para outro lugar onde nao conhece ninguem.
Obrigado


De O AGRICULTOR a 19 de Outubro de 2009 às 22:13
Estou a gostar da atitude de alguém que quer fazer alguma coisa pela VILA mas temo que outros tudo farão para não se seguir em frente , pois a inveja dessas pessoas é muito forte e não querem união .
Desde já agradeço essa atitude .
Só lamento em parte a atitude do GATA , tem uma mágoa tão grande ? é cansaço ? desgaste ? pois ás vezes é preciso seguir em frente para ultrapassar isso tudo .


De Carlos Martins a 19 de Outubro de 2009 às 22:21
Efectivamente é de enorme importância o contributo deste Blog. Sem sombra de dúvida que se convocarmos uma reunião com presença de todos os intervenientes, em Vilar Maior, nem cerca de 10% apareceria (claro que não me refiro aos que por motivos profissionais estão longe, mesmo muito longe, como é o caso do Henrique, por exemplo), pois muitos estão relativamente perto (em Portugal) e calculo que pouco se preocupam com os problemas de Vilar Maior (o que poderá de certa forma ser o meu caso, pois não me excluo e desde já aqui manifesto a minha culpa). Já tive oportunidade de conversar com algumas pessoas, sobre a necessidade de o Centro de Dia poder evoluir para lar de 3.ª idade, ao que me foi referido que o processo é bastante burocrático (como é habito em Portugal), logo demorado e muito dispendioso (projecto, construção, licenciamento e manutenção laboral), que se justificaria com uma taxa de ocupação na ordem das dezenas de camas.
Assim e fazendo uma análise e atendendo a casos práticos (como é o caso da Bismula):
1 - Verifica-se que para estas instituições funcionarem, para além de um investimento inicial elevado (que poderá ser mais ou menos fácil de conseguir) e o seu retorno demorado;
2- Além das dificuldades já referidas, acresce-se a quantidade de mão-de-obra, necessária para o seu funcionamento, que a julgar na freguesia não existir (o que já está a acontecer na Bismula) , visto que casais jovens já são poucos e a quererem trabalhar nestas instituições nenhuns.
3- Também não estou a ver nenhum dos comentadores (ou outros) a regressar a Vilar Maior e aí recomeçar uma nova vida, mesmo com a promessa de emprego certo no Lar;
Claro será que para se fazer evoluir a nossa terra, seriam necessárias medidas com coragem, dedicação e “amor à causa”, muitas vezes com o sacrifício da própria vida pessoal, pois os procedimentos a tomar assim o obrigariam.
Assim não estou a ver ninguém que possa manifestar esse compromisso, que viva em ou fora de Vilar Maior (assim eu esteja enganado).


De Rique a 19 de Outubro de 2009 às 23:00
Amigo Carlos
Agradeco o teu interesse e participacao no Assunto, e espero de ter mais um apoiante ,mesmo que agora nao o divulgasses. Em primeiro lugar quero-te dizer que defenitivamente nao ha mao de obra em Vilar Maior para desempenhar essas funcoes , mas nas outras terras tambem nao havera e os lares estao em funcionamento, com lutacao esgotada. Ja sei que me vais dizer que as pessoas nao querem ir para as Aldeias e preferem estar desempregadas nas cidades,a receber do fundo de desemprego, mas o fundo de desemprego tambem acaba e as pessoas tem que ir para onde estao os empregos,e hoje toda a gente tem carro e pode-se deslocar para os Empregos.So em Vilar maior Ja estao a trabalhar 4 empregadas no centro de dia , que seguramente iriam conservar os seus empregos. Eu penso que a mao de obra para o lar nao vai ser um problema,pois neste momento em Portugal , assim como em todo o resto do mundo Ha muita falta de emprego, e gente com vontade de trabalhar
Um Abraco
Rique


De Carlos Martins a 19 de Outubro de 2009 às 23:12
Amigo Rique
Como sabes, sou sempre um apoiante de todas as iniciativas que envolvam o desenvolvimento da nossa terra.
Um abraço


De Rique a 19 de Outubro de 2009 às 23:18
Obrigado Carlos
Ja somos tres e a conta continua a subir
Um Abraco
Rique


De Manuel Maria a 22 de Outubro de 2009 às 10:56
Muito mau sinal seria seria apenas fossem três...


De Manuel Maria a 20 de Outubro de 2009 às 11:07
Tudo muito bonito, mano. Mas só uma pergunta: Se por qualquer acaso o estado se "cortasse" com as verbas à última hora, como aconteceu na Bismula, havia em Vilar Maior quem se "chegasse à frente" com 50.000,00€ como fez cada um dos membros da comissão da Bismula?


De O Monge a 20 de Outubro de 2009 às 19:23
Eles que o puseram do próprio bolso, sabem que o vão buscar e até com juros.


De Fiel ao sr. "Leal" a 20 de Outubro de 2009 às 10:33
E o "chega" foi assim tanto. Ou realiza-se assim com tão pouco... deste tipo de gente que se resigna à primeira árvore plantada a RAIA SABUGALENSE não precisa.


De Fiel ao Sr. "Leal" a 20 de Outubro de 2009 às 10:34
O comentário é a resposta ao Sr. Anónimo.


De Bárbara Cardoso a 20 de Outubro de 2009 às 15:13
Olá,

Não se preocupe. Para o saco não vão anónimos.
Cpts.
Bárbara Cardoso


De Manuel Maria a 20 de Outubro de 2009 às 15:45
Esse anónimmo deve ser gato . E com tanta aversão ao saco, só pode estar escaldado... Suponho eu...


De Anónimo a 20 de Outubro de 2009 às 16:01
Não será um saco azul?


Comentar post

.Memórias de Vilar Maior, minha terra minha gente

.pesquisar

 

.Abril 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Feliz Páscoa - Mandar rez...

. Igreja da Senhora do Cast...

. Gente da minha terra

. Manto Branco

. Projeto "Tornar Vilar Mai...

. Quando a festa virou trag...

. A Vila e suas gentes

. Requiescat in pace, Elvir...

. Requiescat in pace, Maria...

. Tornar a Vila numa aldeia...

.arquivos

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.links

.participar

. participe, leia, divulgue, opine

blogs SAPO

.subscrever feeds