Segunda-feira, 23 de Novembro de 2009

O CONTADOR

Não se trata de um contador de histórias. Mas se reparou no lado esquerdo do corpo da página aparece um nº (neste momento 50097). Indica o nº de visitas feitas ao blog – neste momento cinquenta mil e noventa e sete. Este é o nº de visitas desde Maio de 2009 que foi quando instalei o dito contador. É muito? É pouco?

Para mim o importante é contribuir para que os vilarmaiorenses possam contactar com as raízes, avivar a memória, falar do futuro … e divertirem-se. E cá para mim, há gente que começou a gostar de escrever e há mesmo gente a escrever muito bem. E há muita história antiga, muitas fotos de família que bem podiam ser partilhadas neste lugar. Aguardamos.

publicado por julmar às 17:17
link | comentar | favorito
40 comentários:
De Vila a 23 de Novembro de 2009 às 21:27
Bom, ou eu não procuro o número de visitas no devido sítio ou então o Dr. Júlio está equivocado quanto ao número a que se refere; neste momento eu vejo o Nº 50 287. Ou será que desde as 17h houve um tão volumoso número de visitas?!!!!.


De Júlio Marques a 23 de Novembro de 2009 às 21:39
Pois é, caro vila! Isto é sempre assapar: África, Ásia, América do Sul e do Norte... é assim a Internet.Neste preciso momento vai em 50301.


De Vila a 23 de Novembro de 2009 às 22:16
Realmente, num curto espaço de tempo, o número cresce de uma maneira que nunca passou pela cabeça dos que visitam e "botam faladura " neste blog.
Elemento este cuja explicação pecou por tardia. - mais vale tarde que nunca!!.
É um dado curioso que nos alerta para o interesse que este cantinho desperta a nível do planeta: congrega as pessoas, especialmente os Vilarmaiorenses , contribuindo assim para um cimentar de amizades entre nós.


De Seringas a 24 de Novembro de 2009 às 09:36
Dado curioso: hoje por força de me ter de levantar mais cedo, já tive tempo de me aperceber que muita gente, logo ao acordar e provavelmente antes de iniciar o seu trabalho, começou por ir ao blog ver as novas que por lá iam. Também eu num intervalinho, fui ver e também fiz o contador "desenferrujar" (da ferrugem que até nem tem, pois parece bem oleado!!).


De Jarmeleiro a 23 de Novembro de 2009 às 22:05
Pois eu já há munto tempo que tinha arreparado esse contador. Quando o vi pensei que a função seria essa mesmo e confirmei logo, saindo da internet e voltando a entrar no blog. Mas como vi aquilo a andar tão depressa dia a dia disse cá pra mim: Isto está avariado ou escalhar o Dr. Júlio está a pagar uma horita por dia a alguém de maneira fazer a adiantar a coisa. Mas não. Depois, quando vi tanta gente a escrever disse cá pra mim que se são tantos os que escrevem, muntos mais serão os que só lêem ou só vêem . E se quiserem acomparar , vão ao blog da Rapoila e logo vêem a diferença . Desde Junho iam hoje com 4.482 vesitantes . É Obra.
Munto bôa noute pra todos.


De Seringas a 24 de Novembro de 2009 às 11:19
E mesmo para quem não sabe ler nem escrever, vê as figuras.Muitas figuras há que que têm uma relevância importante; veja-se o exemplo da matança do porco....mesmo para quem não saiba ler, essas imagens têm muito a dizer-lhes, muitas recordações de velhos tempos, muitas saudades a roê-los interiormente...um cem número de coisas.
Elas certamente ficarão gratas por isso-


De O Regedor a 24 de Novembro de 2009 às 13:02
Pois nao me espanta.
Ha duas coisas que faco religiosamente todos os dias:
Aceder a este blog a cata de novidades de Vilar Maior ( por vezes mais que uma vez por dia) e ler A Bola online .

O meu muito obrigado ao Julio por nos manter viva a memoria de Vilar Maior e pelo exercicio mental a que por vezes nos obriga.

Bem haja Julio.




De Serigas a 24 de Novembro de 2009 às 20:51
Grão a grão!!!..........pois é verdade caros amigos, acabo de fazer contas. Eu que sempre fui um nabo na matemática ( já na escola primária assim era e se me permitem, uma homenagem ao "maior" desta disciplina na minha classe e era o falecido Manuel Lua - peço desculpa aos seus familiares tratá-lo pela alcunha já que não me lembra o seu apelido...mas era por este nome tratado por nós), pois como ia dizendo e se tiver feito bem as contas, no período de cerca de 28 h , visitaram o nosso blog 610 pessoas.
Acho que este número diz bem do interesse que desperta a nível planetário e será decerto um bom estímulo para quem o criou e lhe dá continuidade - o nosso amigo e conterrâneo Dr. Júlio Marques.
Gratos pelo seu trabalho e empenho.


De Jarmeleiro a 24 de Novembro de 2009 às 21:23
Com sua licença, e esperando que não se vai arrenegar comigo por o corregir , mais a mais sendo eu aquase iletrado, mas é que as contas que vocemecê deitou não podem bater certo porque foram deitadas a pessoas quando haviam de o ser às entradas no blog. É porque só eu já hoje aqui vim duas ou três vezes e outros terão entrado mais do que uma vez. Mas lá que anda por aqui aqui munta gente, lá isso anda.
Uma bôa noute pra todos.


De Seringas a 24 de Novembro de 2009 às 22:05
Sim .....de facto devia ter falado em número de visitas e não de pessoas (seria um exagero sem dúvida).


De Seringas a 25 de Novembro de 2009 às 23:04
Pois....era o que eu dizia: não sou bom a matemática nem na interpretação que levem os problemas a uma resolução.


De Anónimo a 25 de Novembro de 2009 às 11:29
Também sou uma das visitas diárias e que vou contando para o acréscimo do número. Os comentários que aqui se publicam muitas vezes fazem-me lembrar histórias que o meu pai contava e a minha mãe ainda conta; outras, como a matança do porco que eu também há muito tempo vivi nas casas dos meus avós. Mas este blog não serve só para os que o consultam, a minha mãe quase todos os dias me pergunta, pelo telefone, se há novidades da vila. Ela saiu nos finais dos anos cinquenta quando casou e nunca mais viveu na vila. Mas este blog também serve para ela se ir mantendo informada.
Um GRANDE Bem haja a todos


De India a 25 de Novembro de 2009 às 12:16
Um comentário simples mas que nos dá a conhecer como, por via indirecta, as notícias aqui expostas acabam por chegar a pessoas que nem fazem parte das visitas ao blog, provavelmente porque não têm internet ao seu alcance ou qualquer outro motivo.
Simples comentários que "caiem bem" aos que gostam da Vila.


De Pepina a 25 de Novembro de 2009 às 12:32
Porque a idade já é muita e as nossas ferramentas são demasiado tecnológicas para quem vai a caminho dos 80 anos, embora reconheça que são extremamente úteis. Ao telemóvel rendeu-se, mas o computador e a internet são geringonças para os filhos e netos


De O Papa Açorda a 25 de Novembro de 2009 às 12:38
Gostei das «geringonças»!!!!!!!!!!!


De India a 25 de Novembro de 2009 às 13:50
Na minha maneira de ver, nunca é tarde para aprender e quem se adaptou ao telemóvel também conseguirá aceder a coisas simples da internet.
Portanto não desista e desde que haja alguém disposto a ajudar um bocadinho, não será difícil aprender o mínimo para lidar com esta geringonça - é um vocábulo que além da graça, diz tudo o que a gente pretende que os outros entendam.


De TOURO SENTADO a 25 de Novembro de 2009 às 19:27
Grande Chefe Toro Sentado pergunta a cê se perdeu pena ou si foi Cara-Pálida que robou. Si foi este que robou, mi risponda com sinais di fumo, que eu e mi amigo Cavalo Sentado, com nossa Tribo Sioux, vamos procurá ele, atar no pau, botar lume e dançar à roda da fogueira até ele morer.


De India a 25 de Novembro de 2009 às 22:26
Não, não me roubaram pena alguma, pois volta e meia dou comigo a cantar aquele fado que também serviu à contra-informação em relação à "Maria Azedoleite "-
Cheia de penas, cheia de penas me deito
E com mais mais penas
Com mais penas me levanto....e por aí fora.
Logo se me roubaram alguma, pena foi que as não tivessem roubado todas.
Uma boa noite.


De O Papa Açorda a 25 de Novembro de 2009 às 14:32
É um gosto tê-la por cá


De Índia a 25 de Novembro de 2009 às 23:11
Cuidado Papa-Açorda, já por aí apareceu em tempos uma Índia , mas de seu nome completo "Índia Pena Leve".
Não me ofendo com o equívoco.


De TOURO SENTADO a 25 de Novembro de 2009 às 23:36
Touro Sentado escreve aqui, porque Índia não ter sinais de fumo ligado. É para dizê que cê enganar a mim pois eu pensar que era a outra India. Essa tal di Pena Leve.


De CURIOSO a 25 de Novembro de 2009 às 18:55
Curioso como sou, adorava saber (e julgo que tambem os outros conterrâneos que passam por aqui), quem será a senhora sua mãe. Poderia, ao menos, levantar a ponta do véu? Garanto-lhe que poderia ser um bom exercício de memória Para todos nós.
Muito boa noite.


De CURIOSO a 25 de Novembro de 2009 às 19:04
O meu comentário anterior, que caiu fora do sítio, reporta-se ao comentário de anónimo, publicado hoje às 11H29.


De Pepina a 25 de Novembro de 2009 às 19:31
Quando eu era pequena muita confusão me fazia a forma como as tias (minhas tias avós) a chamavam : Bleca. Nome estranho que eu não conhecia nem conheço em lado nenhum. Mas, quando chegávamos de viagem passado pouco tempo já o nome se ouvia na rua. . .
Os tempos passam e as tias já não estão entre nós.


De Vila a 25 de Novembro de 2009 às 22:39
"Minhas tias....minhas tias-avós.....a chamar pela Bleca....."-não, não vou lá;agora a Bleca, se for aquela que eu penso e pelos vistos não há muitas....essa sim sei quem é e dou-lhe as boas vindas aqui ao nosso cantinho.
Mas pensando bem no nome, acho que nunca reflectido sobre esse diminuitivo que penso será de Maria Isabel ou Isabel Maria.....sinceramente creio que nunca me tinha perguntado sobre a origem de tal nome.
Bem, não interessa e já estou como dizia a outra quando alguém, querendo tirar nabos da púcara lhe perguntou: então e quem deu o casaco ao seu filho?- a resposta foi: "olhe saudinha por cá".
Pois votos de boa saúde e uma boa noite para todos.


De Canivete a 25 de Novembro de 2009 às 22:58
Não será assim tão difícil de adivinhar: se alguém diz que a filha é conhecida por Bleca , a senhora sua mãe dará pelo nome de Quinha (mais um mistério já que não vejo qual o nome correspondente a este diminutivo ...provavelmente Marquinhas!!.).
Isto hoje está tudo muito misterioso , não acham?.


De O CURIOSO a 25 de Novembro de 2009 às 23:19
Na Bleca filha da Quinha e neta do Ti Zé Silva e da Ti Clara também eu pensei. No entanto, havendo aqui coisas que até batem certo, há outras que nem por isso. Essa Bleca viveu de facto com os avós acima referidos e terá feito a escola primária na vila. Mas quando se refere a tias avós já falecidas, aí é que a porca torce o rabo como dizia o outro. Aguardemos mais mais sinais de fumo, ou seja, mais alguma dica.


De Eureca a 25 de Novembro de 2009 às 23:52
Tias avós ; Tia Isabel Silva Tia Ana Silva Tia Leopoldina. As outras já não terá conhecido. Será assim?


De Canivete a 26 de Novembro de 2009 às 00:13
Atenção que quem fala em tias e tias-avós já falecidas é Pepina e não a Bleca !!.
Eu tentava era ver quem tinha essas tias e ouvia chamar pelo nome de Bleca ....quem estava a ser curioso era eu, afinal.


De Pepina a 26 de Novembro de 2009 às 10:54
Canivete:
Leu exactamente o que eu disse. Mas identificar Pepina não é fácil, porque é natural da Vila nas apenas lá viveu alguns dias de férias quando era criança. Já a Bleca viveu na Vila até finais dos anos 50.
Apesar de tudo, pelo menos uma vez por ano vamos respirar os nossos ares.
Nesta última vez fiquei agradavelmente surpreendida, tudo parecia mais limpo e arrumado. Pena é tanta casa vazia e as ruas tão silenciosas...


De Canivete a 26 de Novembro de 2009 às 12:49
Pois eu também sou daqueles que não conheço muito das gerações novas da Vila mas conheço mais ou menos as mais antigas....agora se me diz que apenas lá passou algumas férias!!!!.....é claro que não é tanto por saber de quem se trata mas o fazer um exercício mental que me lá levassem.
Se as tias ouviam chamar pela Blaca , tinham de estar ali pelas redondezas do muro, naquela zona.... mistério deveras curioso. Não haverá quem ajude um bocadinho?. Que fico curioso e com pena de a "minha mona" não alcançar mais, fico.


De Canivete a 27 de Novembro de 2009 às 16:19
Eu tenho a fama e quero ter o proveito do nome que por vezes oiço de que sou teimoso.
Costumo dormir relativamente bem mas hoje depois da quatro da manhã o sono pareceu aborrecido comigo e foi-se durante algum tempo. E de novo me veio á lembrança o nome da nossa conterrânea que usa o pseudónimo de Pepina .
Dei voltas e mais voltas e parece-me ter descoberto a pessoa de quem se trata.
Eu sei que aqui no blog a nossa missão não é a de descobrir quem é quem mas, enfrentando o pequeno desafio face ao que ela disse "que não seria fácil descobrir de quem se tratava", enveredei pelo caminho de recorrer a todas as potencialidades do meu cérebro e descobrir. Aliás são exercícios de memória que ajudam a evitar a temível doença de Alzheimer .
Quanto ao desgaste cerebral, e no caso de ter acertado, tenho de meter-lhe uma cunha para que a sua filha me dê uma consulta de borla para me receitar um composto vitamínico, um centrum , ou mesmo um genérico que não me importo.
Vamos então ao raciocínio:
Trata-se de uma senhora culta (ainda que admita não lhe ser fácil entrar nos meandros da internet - não concordo...); deve ter passado algumas das férias na casa dos pais (avó isabel, por parte do pai) junto da nossa igreja matriz, mais tarde essas mesmas férias terão sido na casa dos pais, mas desta vez já situada na praça(seu pai de nome João - não divulgo o da mãe porque seria dizer tudo, essencialmente aos familiares e a todos em geral porque nome de João é o mesmo que dizer que há muitas marias na terra....).
Presentemente visita-nos de vez em quando e habita uma casa também na praça, não a anterior mas recentemente adquirida.
Quanto á idade baralha-me um pouquinho....mas o tempo passa e andará pelo menos nos setenta e tal(acho muito, mas...).
As sas tias-avós sim eram, como dizia Eureca:Tia Ana Silva, Tia Leopoldina, Ti Zé Silva......isso tudo bate certo.
Foi e continua a ser uma mulher bonita.
Quanto ao diminutivo de Bleca (é asim que a chamamos), vem a "talhe de foice" e creio que devia ser de Beleca (Isabel - Bela - Beleca).
Terei acertado??.
Se acertei, recomendo-lhe que eleja agora outro nome de leguminosa pois pepina foi para salada (estou a brincar...) e mando-lhe um grande beijimho extensivo a toda a família.
Se acaso estou errado aceite um abraço de um conterrâneo.
Janeca


De Pepina a 27 de Novembro de 2009 às 16:54
Peço desculpa ter-lhe roubado horas de sono para nada. Alguns nomes de que fala só os conheço das memória da minha mãe (Isabel = Bleca ou Beleca).
Quanto ao mudar de nome está fora de questão, herdeio de quem me era muito querido.
As voltas que o mundo dá, pois a primeira vez que escrevi neste blog foi a prepósito de leguminosas...
Penso que o nome Canivete também está associado aos habitantes da Vila, ou estarei enganada?
Já o nome Janeca não me lembro de o ter ouvido, mas também já percebi que é bem mais novo que os meus pais...


De Canivete a 27 de Novembro de 2009 às 17:46
Pois para a minha amiga e conterrânea, as minhas sinceras desculpas e creia que foi numa de brincadeira que levantei e levei a cabo esta questão. Aliás, desejo que se tenha divertido com este jogo do adivinha e foi com todo o respeito que me merece, ter feito o juizo que fiz pensando realmente tratar-se de outra pessoa. Uma coisa que me apercebi é que é uma pessoa que está encima do acontecimento pois não demorou a reagir ao meu comentário. Não creio que a conheça, mas algumas coisas houve em que acertei, tal como dizer que foi e é uma mulher bonita.....duvido que aí tenha errado, isto para dizer que afinal não me enganei de todo.
Sim, Canivete tem a ver com o nome porque são conhecidos os naturais da Vila.
Sim se a senhora anda pelos oitenta, sou um pouco mais novo.
Um abraço e desejos de um bom fim de semana (se é que não voltamos novamente "á luta"por outro qualquer motivo!!...).
Já agora devo também as minhas desculpas à pessoa que eu visava no meu comentário, como sendo "Pepina".


De O Papa Açorda a 27 de Novembro de 2009 às 18:10
Há curiosidades que não devem ser satisfeitas. Se quem escreve quisesse mostrar quem é escrevia o seu próprio nome.Não será?


De Canivete a 28 de Novembro de 2009 às 01:09
Atenção que foi as dicas acerca das tias-avós de que falava num seu comentário que me induziram em erro...está desculpado!!!!:


De Pepina a 27 de Novembro de 2009 às 18:35
É curioso como aquilo que para nós pode parecer claro, para os outros nem tanto (uma área do saber que eu não imaginava tão interessante).
Não é que não queira ser identificada pois o nome que adoptei era também de um natural da Vila que se fosse vivo tinha 109 anos e me era muito próximo.
O jogo foi tão interessante que me levou a consultar o blog algumas vezes ao dia, não tenho é novidades para a minha mãe...Bom fim de semana


De Canivete a 28 de Novembro de 2009 às 01:17
Apenas para referir que fico satisfeito com a maneira positiva e o ter achaddo interessante este pequeno jogo "do quem é quem".
Naturalmente que expliquei bem, para quem leu com atenção os meus comentários a este respeito, que não foi a curiosidade de saber de quem se tratava; apenas os acontecimentos nos encaminharam nesse sentido. Se a visada não ficou aborrecida, lamento que outros o fiquem por ela.
Um bom fim de semana.


De Canivete a 28 de Novembro de 2009 às 01:22
Para esclarecer que este comentário é para responder á observação feita por Papa-Açorda na sua última intervenção.
é bom guardar as lições de ética para quando necessitar e em momentos adequados .


De O Papa Açorda a 28 de Novembro de 2009 às 09:23
«Há curiosidades que não devem ser satisfeitas. Se quem escreve quisesse mostrar quem é escrevia o seu próprio nome.Não será?»
A pergunta, se reparou é: «não será» e não «não acha?»


Comentar post

.Memórias de Vilar Maior, minha terra minha gente

.pesquisar

 

.Abril 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Feliz Páscoa - Mandar rez...

. Igreja da Senhora do Cast...

. Gente da minha terra

. Manto Branco

. Projeto "Tornar Vilar Mai...

. Quando a festa virou trag...

. A Vila e suas gentes

. Requiescat in pace, Elvir...

. Requiescat in pace, Maria...

. Tornar a Vila numa aldeia...

.arquivos

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.links

.participar

. participe, leia, divulgue, opine

blogs SAPO

.subscrever feeds