Segunda-feira, 20 de Fevereiro de 2012

O ALMOÇO DO DIA DA MATANÇA Dr - Leal Freire

Na generalidade das casas dos nossos lavradores meões, este almoço é a refeição mais farta e variada de toda a roda do ano, à frente mesmo da de Terça-Feira Gorda e da servida na festa do orago Tudo começa com um panelão de caldo de massa com gravanços, no qual fervilharam, desde a alva, meio chouriço nalgueiro e um forte naco de presunto velho, contributo do porco do último ano para as celebrações do sucessor. Prato de grande substância vem logo a seguir e não sei de cozido à portuguesa ou andalusa, á pirenaica ou apenina, a de Parma ou das Ardenas, que lhe leve vantagem. Ás rodelas do chouriço e lascas de presunto, cozidos para a água do caldo, juntavam-se pedaços da parte carnuda do torax, zona furada pelo facalhão do matachim e por isso tornada mais saborosa, talhadas de morcela e farinheira, trazidas por comadre mais abelhuda que se antecipara na matação. E tudo a acompanhar as batatas das três itas - terra granita, água granita e caganita, cozidas em água enriquecida a loiro, e as couves da horta que o gelo adoçara e fizera tenras. O estomago já começava a ficar aconchegado. Mas havia espaço para muito mais, já que para jejum e abstinência não faltarão dias e dias na longa roda do ano, a braços com o timão e a enxada, a gadanha e o mangual, o ferro e o alvião. Por isso, o guisado de figado, prato essencial e benvindo, desaparecia num ápice- Mas os guisados continuam de acordo com as posses e os áabitos de vida do anfitrião – badana velha, se também se criava gado miúdo, coelho bravo nos caçarretas ou manso em cidadão mais pacato. O arroz de lebre ou borrachos, a perdiz na púcara ou as fritadas de tordos ou estorninhos, issojá eram luxos de morgados E tudo, tudo, com acompahamento quase ao minuto com o gramines da terra, um vinho esperto e seivoso, pouco alcoólico mas que tinha mais virtude que os livros santos. E que sendo de duas mãos, uma no copo, outra na portinhola das calças, estilava sem destilar.

publicado por julmar às 22:53
link | comentar | favorito

.Memórias de Vilar Maior, minha terra minha gente

.pesquisar

 

.Outubro 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. AS GRANDES OBRAS DO SÉCUL...

. Em defesa de mim

. Carta ao futuro president...

. Uma pedra oferecida pelo ...

. E passados vinte anos com...

. Carta aberta ao president...

. Eleições à porta. Haja o ...

. Requiescat in pace, José ...

. Família Silva Leonardo

. Tornar Vilar Maior uma Al...

.arquivos

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.links

.participar

. participe, leia, divulgue, opine

blogs SAPO

.subscrever feeds