Quinta-feira, 27 de Dezembro de 2007

Missa de Natal

A mesma Igreja, as mesmas leituras, as mesmas músicas, o mesmo padre. O tempo nublado e frio. Uma homilia curta para vincar que o importante não são as riquezas exteriores - o presépio é bem o exemplo da pobreza que contrasta com o consumismo; o importante são as riquezas do espírito colocdas ao serviço do próximo.

Difrente mesmo era o exíguo número de pessoas presentes, seriam não mais de setenta. Uma igreja quase vazia. Distraído da liturgia ia olhando os bancos completamente vazios, os cabelos brancos da maioria, a presença de apenas duas ou três crianças, comparando os que vieram com os que cá estavam. De muitas famílias nem um só que a representasse. DeFrança nem um; de Lisboa creio que nenhum.

Quando não havia auto-estradas, quando as distâncias eram difíceis de percorrer a aldeia enchia-se: os filhos vinham passasr o Natal com os pais; a situação inverteu-se e os pais saem para passar o natal com os filhos.

A desertificação é uma tragédia. Nascimentos por aqui só o do Menino Jesus. Como será o natal daqui a dez anos?

publicado por julmar às 23:05
link | comentar | favorito
2 comentários:
De Ribacôa a 28 de Dezembro de 2007 às 22:31
Ironia do destino ou talvez não.
Óptimas auto estradas, bons carros, camionetas de carreira e comboios mais rápidos, mas... são precisamente estas melhores condições que mais depressa os têm levado do que os têm trazido de volta. E, o mais importante. Falta a voz mágica do chamamento; O beijo terno dos pais; O abraço fraterno dos irmãos, tios, padrinhos; O rijo aperto de mão dos amigos. E o pior senário estará para vir, quando todos aqueles de cabelos brancos que estavam na missa partirem não de carro pelas boas estradas, mas numa viagem bem mais curta. Aí, se o Menino Jesus não conseguir operar um milagre ou algum comum dos mortais não o fizer por ele, será o princípio do fim. Porém, não obstante os poucos que estavam na missa, estou certo que foram mais do que suficientes para entoarem alto e bom som a tradicional canção de Natal que começa com a quadra:

Alegrem-se os céus e a terra
Cantemos com alegria
Já nasceu o Deus Menino
Filho da Virgem Maria.


De Manuel Maria a 2 de Janeiro de 2008 às 16:24
è verdade...
cada vez menos gente...


Comentar post

.Memórias de Vilar Maior, minha terra minha gente

.pesquisar

 

.Novembro 2022

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. O Barroco dos Martírios

. Requiescat in pace, José ...

. A cortelha do marrano

. Aldeias que morrem

. Requiescat in pace, José ...

. Requiescat in Pace, Profe...

. Histórias quase reais

. A bela Aurora Raiana

. Requiescat in pace, Lúcio...

. Requiescat in pace, João ...

.arquivos

. Novembro 2022

. Outubro 2022

. Setembro 2022

. Agosto 2022

. Julho 2022

. Junho 2022

. Maio 2022

. Abril 2022

. Março 2022

. Fevereiro 2022

. Janeiro 2022

. Dezembro 2021

. Novembro 2021

. Outubro 2021

. Setembro 2021

. Agosto 2021

. Julho 2021

. Junho 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.links

.participar

. participe, leia, divulgue, opine

blogs SAPO

.subscrever feeds